This page contains a Flash digital edition of a book.
Saúde Os benefícios da alface


A alface é um vegetal utilizado na alimentação humana desde o ano 500 a.C.. É originária da região leste do Mediterrâneo e é mundialmente cultivada para o consumo em saladas, com inúmeras variedades de folhas, cores, formas, tamanhos, texturas e sabores.


É


um vegetal que possui as vitaminas A e C, niacina, cál- cio, fósforo e ferro. Por exemplo, a vitamina A é um nu- triente importante para o bom funcionamento da visão, mantém e conserva a saúde da pele e das mucosas. Já a niacina evita alguns problemas de pele, do aparelho digestivo e do sistema nervoso. A vitamina C confere resistência aos vasos sanguíneos, evita a debilidade dos ossos e a má forma- ção dos dentes, actua contra as infecções e ajuda a cicatrizar as feridas. Os minerais cálcio e fósforo participam da forma- ção e no desenvolvimento do osso e ajudam na coagulação e na construção muscular. O ferro contribui para a formação do sangue (glóbulos vermelhos).


Publicidade


Entre muitas das suas propriedades, a alface é também considerada como um óptimo calmante e um remédio contra a insónia. Em casos de inflamação e inchaços, podem ser feitas aplicações locais de cataplasmas de alface.


Alexandre Fernandes – Nutricionista Consulte – www.bemnutrir.com


Café Restaurante Frente aos B. V. do Seixal


Todo o tipo de grelhados Peixe fresco todos os dias


Rua Santa Teresinha, 21-A 77 Setembro 2011 | 2840-399 SEIXAL Tel.: 210 863 480


Page 1  |  Page 2  |  Page 3  |  Page 4  |  Page 5  |  Page 6  |  Page 7  |  Page 8  |  Page 9  |  Page 10  |  Page 11  |  Page 12  |  Page 13  |  Page 14  |  Page 15  |  Page 16  |  Page 17  |  Page 18  |  Page 19  |  Page 20  |  Page 21  |  Page 22  |  Page 23  |  Page 24  |  Page 25  |  Page 26  |  Page 27  |  Page 28  |  Page 29  |  Page 30  |  Page 31  |  Page 32  |  Page 33  |  Page 34  |  Page 35  |  Page 36  |  Page 37  |  Page 38  |  Page 39  |  Page 40  |  Page 41  |  Page 42  |  Page 43  |  Page 44  |  Page 45  |  Page 46  |  Page 47  |  Page 48  |  Page 49  |  Page 50  |  Page 51  |  Page 52  |  Page 53  |  Page 54  |  Page 55  |  Page 56  |  Page 57  |  Page 58  |  Page 59  |  Page 60  |  Page 61  |  Page 62  |  Page 63  |  Page 64  |  Page 65  |  Page 66  |  Page 67  |  Page 68  |  Page 69  |  Page 70  |  Page 71  |  Page 72  |  Page 73  |  Page 74  |  Page 75  |  Page 76  |  Page 77  |  Page 78  |  Page 79  |  Page 80  |  Page 81  |  Page 82  |  Page 83  |  Page 84  |  Page 85  |  Page 86  |  Page 87  |  Page 88  |  Page 89  |  Page 90  |  Page 91  |  Page 92  |  Page 93  |  Page 94  |  Page 95  |  Page 96  |  Page 97  |  Page 98  |  Page 99  |  Page 100