This page contains a Flash digital edition of a book.
BTT


PRIMEIRO PASSEIO DE BT R


ealizou-se na localidade de Glória do Ribatejo (concelho de Salvater- ra de Magos) o primeiro Passeio de BTT Ajuda de Berço que tinha ao dispôr dos inscritos um percurso de 50km e outro de 15km. Foi uma iniciativa levada a cabo pela empresa Trilho Per- dido que assim se juntou ao movimento nacional de apoio a esta instituição e que contou com o apoio de caras bem conhe- cidas do ciclismo e do btt nacional. A zona de meta estava montada junto ao Pavilhão Desportivo da Glória do Ri- batejo e tudo estava perfeitamente identi- ficado, não levantando qualquer dúvidas aos inscritos, desde placas a indicar o estacionamento automóvel, o secreta- riado, os banhos, o local do almoço e até a zona para lavagem de bicicletas. O secretariado funcionou de uma forma rápida e funcional não se formando filas pois os participantes levantaram os seus dorsais, devidamente personalizados com os seus nomes, em filas destinadas à primeira letra destes.


Depois de um briefing inicial, a partida foi dada às 10h e os cerca de quatrocen- tos participantes atravessaram a Glória do Ribatejo em andamento lento até que na entrada da estrada de terra cada um meteu o andamento e velocidade que mais se adequava às suas caracteristi- cas físicas e técnicas. Nos primeiros 10 Km os participantes tinham ao seu dispôr um percurso fácil que foi aproveitado pe- los mais rápidos para ocuparem as pri- meiras posições do pelotão que aos pou- cos e devido á velocidade imposta pelos ciclistas ia ficando mais pequeno, sendo que depois entravam numa sucessão de subidas e descidas, algumas delas algo técnicas, que fizeram as delícias dos par-


Publicidade


Pastelaria Tãobela Casamentos, Batizados, Aniversários


Fabrico Próprio Diário Bolos para


   


Maio 2011 24


Funerária Monte Sião


Ercília e Filhos


T.: 21 225 44 98 96 321 89 66 96 45 48 302


Rua 1º de Maio, nº 58-A Amora Fax: 21 082 53 22 | Email: cila-cruz@hotmail.com


ticipantes. Perto dos 20 km tiveram o seu primeiro ponto de abastecimento onde se puderam saborear as magníficas la- ranjas oferecidas por Vítor Monteiro, mo- rador local que foi incansável na ajuda à organização. O percurso continuou por alguns singletracks a subir e a descer, que segundo alguns participantes eram viciantes e só lhes dava vontade de vol- tar atrás e repetir as subidas e descidas novamente. Na frente seguiam aqueles mais dotados fisicamente, Vítor Gamito, José Silva e Tiago Ferreira aproveitaram este passeio para fazerem um treino “rá- pido”. Cá para trás era o divertimento total e os participantes iam brincando, conversando e apreciando as magníficas paisagens e os excelentes recursos na- turais para a prática do btt que a Glória do Ribatejo oferece. A organização en- curtou nesta fase do percurso cerca de 5 km pois as chuvas que tinham assola- do o nosso país nos últimos dias tinham tornado impraticáveis alguns caminhos. Já perto dos 35km de passeio os atletas encontraram o segundo abastecimento que coincidia com a junção do percurso do passeio de 15km, sendo este mais fá- cil para acolher aqueles que escolheram esta distância. No final a opinião era una- nime “um percurso muito bem marcado, equilibrado em termos fisicos e técnicos, e excelente na escolha dos singletra- cks que parecem ter sido escolhidos a dedo”, diziam alguns participantes, e que voltariam a este local para fazerem btt logo que possível!


O almoço foi excelentemente servido pelo Rancho Folclórico da Casa do Povo de Glória do Ribatejo onde os participan- tes puderam conviver e contar as aventu- ras e desventuras vividas nesta jornada


Page 1  |  Page 2  |  Page 3  |  Page 4  |  Page 5  |  Page 6  |  Page 7  |  Page 8  |  Page 9  |  Page 10  |  Page 11  |  Page 12  |  Page 13  |  Page 14  |  Page 15  |  Page 16  |  Page 17  |  Page 18  |  Page 19  |  Page 20  |  Page 21  |  Page 22  |  Page 23  |  Page 24  |  Page 25  |  Page 26  |  Page 27  |  Page 28  |  Page 29  |  Page 30  |  Page 31  |  Page 32  |  Page 33  |  Page 34  |  Page 35  |  Page 36  |  Page 37  |  Page 38  |  Page 39  |  Page 40  |  Page 41  |  Page 42  |  Page 43  |  Page 44  |  Page 45  |  Page 46  |  Page 47  |  Page 48  |  Page 49  |  Page 50  |  Page 51  |  Page 52  |  Page 53  |  Page 54  |  Page 55  |  Page 56  |  Page 57  |  Page 58  |  Page 59  |  Page 60  |  Page 61  |  Page 62  |  Page 63  |  Page 64  |  Page 65  |  Page 66  |  Page 67  |  Page 68  |  Page 69  |  Page 70  |  Page 71  |  Page 72  |  Page 73  |  Page 74  |  Page 75  |  Page 76  |  Page 77  |  Page 78  |  Page 79  |  Page 80  |  Page 81  |  Page 82  |  Page 83  |  Page 84  |  Page 85  |  Page 86  |  Page 87  |  Page 88  |  Page 89  |  Page 90  |  Page 91  |  Page 92  |  Page 93  |  Page 94  |  Page 95  |  Page 96  |  Page 97  |  Page 98  |  Page 99  |  Page 100